22º Encontro Nacional de Gestação e Parto

15 e 16 de Novembro de 2013

Contato

(21) 2556-2455

congressos@institutoaurora.com.br

Local

UFRJ - Salão Pedro Calmon / 2º andar 

Fórum de Ciência e Cultura FCC 
Av Pasteur, 250, Palácio Universitário 
Praia Vermelha, Urca - Rio de Janeiro, RJ

O Encontro Nacional de Gestação e Parto Natural Conscientes foi idealizado, há mais de duas décadas, pela doula Fadynha, fundadora do Instituto de Yoga e Terapias Aurora, centro carioca de referência em assistência à grávida e seu bebê. Pesquisadora do Yoga desde 1975, Fadynha desenvolveu método próprio de Yoga para gravidez e pós-parto. Em 1978, introduziu no Brasil a Shantala, massagem oriental para bebês. Pioneira na preparação, incentivo e divulgação do parto natural, Fadynha orienta e prepara grupos de casais grávidos e, como doula, já acompanhou centenas de partos domiciliares e hospitalares. Membro-fundadora da Rede Nacional do Parto Humanizado (Rehuna), é autora dos livros Meditações para Gestantes, Yoga para Gestantes e A Doula no Parto, o primeiro livro brasileiro sobre doulagem. 

Webdesign: Beatriz Zampieri

realização                         apoio                                                              colaboração

 

Em tempos de reivindicações por mais qualidade de vida, SEGURANÇA e DIREITO DE ESCOLHA são temas do 22º Encontro Nacional de Gestação e Parto Natural Conscientes, um dos mais importantes congressos do gênero, nas Américas

 

 

O evento, que acontece nos dias 15 e 16 de novembro, na UFRJ, apresenta os resultados das pesquisas “Nascer no Brasil”, apresentada pelo professor e obstetra Dr. Marcos Dias, e “Abordagem Epidemiológica da Cesariana”, da professora e epidemiologista Dra. Daphne Rattner. As mesas e palestras promovem amplo debate que envolve questões da atualidade como atuação das mídias, parteria urbana, violência obstétrica e novas evidências científicas

 

 

 

Nas redes sociais, multiplicam-se vídeos de partos normais, naturais, em hospitais e domicílios; as manifestações pela humanização do parto e do nascimento espalham-se pelas ruas de dezenas de cidades do país e conquistam a grande imprensa; nos cinemas, inaugura-se algo sem precedentes: um documentário sobre parto e nascimento ocupa as salas comerciais de todo o Brasil. Pela primeira vez na história da medicina brasileira, desde a medicalização do parto, que começa a crescer na década de 60 e vira boom nos anos 90, um movimento liderado pelas mulheres, apoiado pelos profissionais da saúde e por outros segmentos da sociedade, consegue colocar o parir/nascer em lugar de destaque (e por que não de urgência?) no cenário da política nacional. Alinhado a este contexto de transformações, o Encontro Nacional de Gestação e Parto Natural Conscientes, promovido pelo Instituto de Yoga e Terapias Aurora, chega à sua 22ª edição com o tema Simplicidade, Segurança e Direito de Escolha e está programado para acontecer nos dias 15 e 16 de novembro (sexta e sábado), na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), no Salão Pedro Calmon (Fórum de Ciência e Cultura – FCC), localizado no campus da Praia Vermelha, no bairro da Urca (RJ). Dentro do evento também acontecem a 21ª Plenária da Rehuna (Rede pela Humanização do Parto e Nascimento) e o 10º Encontro Nacional de Doulas, que este ano discute os Diferentes Olhares sobre o Papel das Doulas.